Vídeos

Loading...

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Peixe elétrico


Hoje você vai saber como o peixe-elétrico dá choque e porque….. Algumas espécies de peixes possuem eletrócitos, que são células musculares modificadas. Qualquer movimento muscular está associado a geração de impulsos elétricos. Acontece que, no caso dos peixes, parte da eletricidade não é gasta no movimento do seu corpo, ficando armazenada nos eletrócitos. Daí o contato com esses animais, ou apenas a proximidade deles, produzir uma descarga elétrica.

Essa descarga elétrica varia de intensidade de acordo com a espécie. Acredite se quiser!!! A raia-torpedo é a dona da maior e mais potente descarga elétrica, é capaz de produzir 2.500 watts de potência, para voc~e entender e comparar as lâmpadas incandescentes comuns tem potência média de 60 watts.

E para que serve toda essa potência da raia-torpedo?!!!  Serve para capturar suas presas ou se proteger dos predadores.

E os peixes sofrem com isso tudo?!

Não mesmo!!! O campo gerado pela descarga de eletricidade do animal situa-se ao redor do seu corpo e somente as correntes de baixa potência estão em contato com o corpo do peixe. Mas isso não quer dizer que ele esteja protegido contra a descarga elétrica produzida por outro peixe-elétrico…. Que interessante!!!

Sabemos que usinas elétricas, termelétricas, nucleares e eólicas, produzem energia elétrica, mas peixe ?! A natureza é surpreendente e peixes-elétricos produzem sim energia elétrica e dá choque sim….

Não há registros de acidentes fatais envolvendo seres humanos, apesar da enorme potência que alguns peixes e espécies são capazes de produzir. Para evitar o pior é aconselhável ficar bem longe desses peixes-elétricos, você não acha?!

Fonte: Revista Ciência Hoje das crianças  - Matheus Soares, Departamento de Zoologia, Universidade de São Paulo.


Vídeo

0 comentários: